Tuesday, September 25, 2007

TMN - Temporada Completa


Para quem não sabe, encontrava-me há 1 ano numa situação nada ficcional com a TMN.
Após ter adquirido uma placa de banda larga cheguei à conclusão (após 4 meses de várias insistências e após alegados problemas momentaneos) que a minha rua não tem cobertura. Como tal, pedi o reembolso relativo a um serviço que não usufrui. A TMN depois de muitas cartas e deslocações à loja do Picoas, acedeu em enviar-me notas de crédito no valor do reembolso. Mas eis que um belo dia vou verificar o saldo do cartão e deparo-me com uma bela quantia para gastar em chamadas. Tinham mudado de ideias e "obrigavam-me" a gastar o MEU dinheiro em chamadas. Ou é assim, ou então não é, diziam eles. Meti a Deco ao barulho, voltei a insistir e já pensava em contactar o Instituto do Consumidor quando hoje (daqui a nada o processo fazia 1 aninho) me dizem que vai ser enviado o cheque para casa.
Afinal é possivel ou não é?

Quem, eu?


As pessoas inventam cada coisa. É claro que não tenho medo de andar de avião, o meio de transporte mais seguro do Mundo! Já viram bem o boato que lançaram? Só porque para a semana vou de viagem para Madrid, pensaram que por esta altura já estaria a roer as unhas. Mas pensaram mal. Nada disso. Estou bastante calma e tranquila e nem sequer penso em calmantes. Que absurdo...realmente as pessoas inventam cada uma. E aquilo do curso da TAP, para a fobia de voo é só porque me apeteceu uma coisa diferente, estar com pessoas novas, um almocinho por conta da casa, um fim-de-semana radical. Só isso. Então eu sabendo que há cada vez mais acidentes de viação, que é uma sorte não me acontecer nada na minha própria casa ou que posso mesmo correr o risco de ir desta para melhor ao atravessar a rua, iria ter medo de andar de avião? Disparate.

Wednesday, September 19, 2007

Babe Djamila

Amanhã começa uma nova etapa para a minha amiga Djamila. Ela, o Xarope e o Cão vão ter com o Francisco que está à espera deles em São Salvador. Espera-os uma bruta quinta, digna de uma novela brasileira. Djamila a fazendeira, com os seus cães e os seus cavalos a preparar uma bela de uma moqueca para o seu Francisco que vai chegar a casa bastante estafado, no final de um dia de trabalho na choça.
Espero que corra tudo bem amiga e quem sabe para o ano, se a minha terapia de voo correr bem, possamos ir ter contigo para provar essa bela moqueca. Vamos ver se sabes ou não cozinhar.
Beijinhos já com saudades dos teus caracóis sempre sorridentes.

Thursday, September 13, 2007

Host mas pouco


Na terça feira passada fomos ao Quarteto ver The Host - a criatura. Estávamos numa de terror e a noite que se avistava apontava para um filme deste género. A trovoada aproximava-se e os relâmpagos iluminavam toda a Avenida de Roma.
O próprio Quarteto, com a sua arquitectura anos 70 remeteu-me para um daqueles móteis americanos de beira de estrada. Ambiente perfeito.
O filme acabou por se revelar um misto de drama, comédia, terror mas pouco.
Infelizmente os pulos de susto que tanto ansiava, não aconteceram e mesmo a mão nos olhos, tipica mas subtil em mim nos filmes que realmente aterrorizam, ficou pousada na cadeira. Acho que o verdadeiro terror dessa noite foi quando chegámos a casa e vejo uma barata, castanha, enorme, na parede do nosso quarto. Isso sim, foi assustador. Barata - a criatura.

Thursday, September 6, 2007

Liberdade de Expressão, Lda

É um dos grandes valores americanos e já é proclamado há algum tempo, mas.....tem de ficar em casa.
E quem falar mal do presidente, Oh my God!

Numa altura em que as tropas americanas foram enviadas para o Iraque, uma das cantoras do grupo Dixie Chicks, num concerto em Londres, fez o seguinte comentário:
"Just so you know, we're ashamed the president of the United States is from Texas."
Foi o que bastou para começar o linchamento verbal. E porque é inadmissivel falar mal do presidente, e porque é traição, e porque o grupo não presta, e porque falaram mal do presidente fora do país e à frente de pessoas estrangeiras. Realmente, inadmissivel. Concluindo, o grupo perdeu metade dos fans, recebeu ameaças de morte, cancelou alguns concertos mas o mais importante é que ninguém mais se lembrava que filhos, irmãos, primos de alguém, tinham acabado de ir para uma guerra que não era a deles. Mas isso não importa nada.


Tuesday, September 4, 2007

Touch Me Again

Aos que têm insistido para eu enviar as fotos do encontro, aqui têm a vossa oportunidade.







Monday, September 3, 2007

Sunday, September 2, 2007

Abençoadas....


....as duas semaninhas que passámos sem fazer nada.
Uma viagem de norte a sul do país, começando com dois diazinhos no Minho, Paredes de Coura, um frio de rachar à noite, Heineken's à borla, zona VIP com caldo verde e sem muitos mais afins.
Mais quentinho estava no algarve para os lados de Tavira. Sitio pacato que foge ao estereotipo do allgarve nesta altura do ano. Praia de Cabanas altamente recomendada para quem não gosta de partilhar a sua toalha com estranhos.
Tavira revelou-se uma surpresa. Passei lá tantas vezes para apanhar o barco para ilha e o que eu conhecia limitava-se mesmo ao barco. Adorei a cidade e num dos passeios encontrámos dois sitios deliciosos. Conhecemos o Sr. Anibal Bandeira que transforma ferro velho em objectos decorativos e na sua loja, onde trabalha com toda a calma, podemos encontrar papagaios, galos, passarinhos, barcos, gatos e ratos, cata-ventos e muita funilaria.
A outra delicia é uma livraria de nome A Lura dos Livros que faz lembrar a Shakespeare and Company, nas margens do Sena, só que esta é nas margens do rio Gilão. Aqui podemos encontrar livros novos ou em segunda mão e podemos contar com o sorriso e disponibilidade de Elizabeth Beaupied, a proprietária.